Perfecta - A Flor Perfeita

Atualizado: Jan 13



Narrador: Perfecta é uma linda flor, de sete pétalas, uma de cada cor, como um arco íris. Ela vive num imenso jardim e de longe é a mais bonita e vistosa flor do jardim, por causa de sua beleza e de seu perfume. Perfecta: AHHHH (boceja) Que preguiça... Deixa eu ver como estou hoje.(pega o espelho e fica se admirando) – Espelho, espelho meu existe alguma flor mais bela do que eu? (RI) – Não precisa falar, eu sei que espelho não fala, além do mais, eu já sei a resposta. Não existe flor mais bela do que eu...(continua a se admirar) Narrador: Ela é muito bela mesmo...Todo os dias o jardineiro vem ao jardim cuidar de todas as flores. Logo que ele chega Perfecta pergunta: Perfecta: Você vai começar por mim né? Jardineiro: Tenha calma Perfecta, todas as flores precisam de cuidados.


Narrador: Perfecta é uma linda flor, de sete pétalas, uma de cada cor, como um arco íris. Ela vive num imenso jardim e de longe é a mais bonita e vistosa flor do jardim, por causa de sua beleza e de seu perfume. Perfecta: AHHHH (boceja) Que preguiça... Deixa eu ver como estou hoje.(pega o espelho e fica se admirando) – Espelho, espelho meu existe alguma flor mais bela do que eu? (RI) – Não precisa falar, eu sei que espelho não fala, além do mais, eu já sei a resposta. Não existe flor mais bela do que eu...(continua a se admirar) Narrador: Ela é muito bela mesmo...Todo os dias o jardineiro vem ao jardim cuidar de todas as flores. Logo que ele chega Perfecta pergunta: Perfecta: Você vai começar por mim né? Jardineiro: Tenha calma Perfecta, todas as flores precisam de cuidados. Perfecta: Eu preciso mais do que todas, pois preciso manter minha beleza. Jardineiro: Não seja egoísta, primeiro tenho que cuidar dessas florzinhas aqui, olhe como estão murchas. Perfecta: Mais, mais... Jardineiro: Não tem mais nem menos, tenha um pouco de paciência. (diz o jardineiro saindo para o outro lado do jardim) Perfecta: Espere, eu preciso te dizer algo. Existem algumas formigas fedidas que estão andando aqui perto de mim, quero que você dê um jeito nelas. Jardineiro: O que? Deixe as formigas em paz, elas estão bem longe de você. Perfecta: Espero que fiquem o mais longe possível, não suporto esses insetos... Jardineiro: Pare de resmungar pois preciso trabalhar, tenho que sair mais cedo hoje... Perfecta: Espere um pouco tenho que te dizer mais uma coisa. Bla, bla, bla....(o jardineiro fica escutando, com o tempo vai ficando entediado e até cochila) – É isso, siga todas as orientações que te dei, pode ir. ( O JARDINEIRO SAI) Perfecta: Aonde você vai? Jardineiro: Vou embora, você falou tanto que tomou todo o meu tempo, lembra que eu falei que tinha que sair mais cedo? Narrador: Como fala essa florzinha, tomou todo o tempo do jardineiro com suas queixas. (Perfecta resmunga um pouco e depois volta a admirar-se no espelho) Narrador: Perfecta estava tão distraída, admirando-se no espelho que nem percebeu que Dudu se aproximava, ele costumava tirar as pétalas das flores. Dudu: Olhe aquela flor, que colorida! Narrador: Perfecta sentiu uma dor muito forte, ela grita: Perfecta: Aiiiiiiiiiiii... Oh não, socorro, alguém me ajude. Narrador: Tarde de mais, Dudu foi bem rápido, um minuto de distração e zás, ele tirou a pétala azul da Perfecta que começou a chorar de dor e tristeza. Perfecta: Buááá...buááá, minha pétala azul, aquele menino tirou a minha pétala azul. (Perfecta fica chorando baixinho) Narrador: No dia seguinte, o jardineiro voltou ao jardim e encontrou Perfecta muito triste. Jardineiro: O que aconteceu com você? Quem tirou sua pétala azul? Perfecta (choramingando): Aquele menino... o Dudu, ele arrancou a minha pétala. Jardineiro: Oh não! Como isso foi acontecer? Perfecta: A culpa é sua. Jardineiro: Minha? Por quê? Perfecta: Você me deixou sozinha, não estava aqui para me proteger... Jardineiro: Me perdoe, eu precisava sair, mas se soubesse que isso ia acontecer. Perfecta: Não perdôo não! Por sua causa eu fiquei assim...(chora) Jardineiro: Perfecta me perdoe, eu sei que errei, além do mais pra mim você continua sendo a flor mais perfeita do jardim... Perfecta: Não me chame mais de Perfecta, agora me chamarei Defecta... buááá Jardineiro: Me desculpe...(sai de cabeça baixa) ( Perfecta continua chorando) Abelha: Porque você está chorando? (Perfecta conta a abelha o que aconteceu) Perfecta: Agora ninguém mais gosta de mim. Abelha: Nem o jardineiro? Perfecta: O Jardineiro disse que eu continuo sendo perfeita para ele, mas eu não acredito. Abelha: Parece que ele gosta muito de você. Perfecta: Por que você disse isso? Abelha: Eu vi ele lá pras banda do rio, me parecia muito triste. Perfecta: É mesmo? Coitado, ele está se sentindo culpado... e pra dizer a verdade, a culpa é dele mesmo. Abelha: Não é não. Isso poderia ter acontecido com qualquer um de nós, foi um acidente. Eu tenho muitas amigas que passaram por isso. Algumas delas perderam pedaços de suas asas... Perfecta: Eu sei como elas se sentiram... Abelha: É mas elas não ficaram chorando. Perfecta: Não? O que elas fizeram? Abelha- Elas continuaram a viver, mesmo com suas asinhas faltando pedaços. Sabe Perfecta você precisa fazer isso também. Perfecta: Mas agora estou tão feia. Não sou mais perfeita como antes. Abelha: Você não percebeu, como minhas amigas abelhas estão te rodeando? Perfecta: Porque será que elas estão fazendo isso? Abelha: Vou perguntar a elas. (aproxima-se de uma delas e faz de conta que está ouvindo algo) – Elas disseram que você não é a flor mais bela do jardim... Perfecta: É... eu sei. Abelha: ... mas o seu cheirinho... Perfecta: O que? Que, que tem no meu cheiro? (diz cheirando embaixo do braço) Abelha: Elas disseram que você tem um perfume delicioso. Perfecta: Ahhh é? Abelha: Tem sim, e isso faz de você uma flor muito especial. Perfecta: Mas e a minha pétala que está faltando. Abelha: Não olhe para os seus defeitos, esqueça isso. Perdoe o jardineiro e exale esse perfume delicioso que sai de você. Fazendo isso você vai ser feliz. Perfecta: Será? Abelha: Claro que sim, às vezes precisamos parar de ficar olhando para o que temos de ruim, e usar o que temos de bom para ajudar e alegrar a vida dos outros. Perfecta: É isso que vou fazer, quero exalar o meu perfume para atrair a todos para mais perto de mim.

Abelha: Isso mesmo. Vamos cantar?

#visitahospitalar #recursoparafazerapelo #MinistérioInfantil #contaçãodehistórias

 Brasil - Paraná - Curitiba: Caixa Postal 4029 CEP: 82501970  © Mara Melnik 2020 Todos os Direitos Reservados